technology-791029_1280-3

Para muitas mães trabalhar em casa é um sonho, poder estar acompanhando o desenvolvimento e o dia-a-dia dos filhos de perto sem perder a independencia financeira. Tudo de bom!

Mas digo, por experiência própria, que nem tudo são flores.

Há 7 anos trabalho em esquema Home Office e conciliar as atividades de mulher, mãe, dona de casa, esposa e empreendedora não é fácil e muitas vezes se não formos muito organizadas acabamos comprometendo nosso rendimento e nossa qualidade de vida.

Para mim é um privilégio conseguir trabalhar desta forma e poder estar perto da Maria Fernanda, do Frederico e do Alexandre, tenho certeza que você também pode.

Posso te dar umas dicas de algumas de atitudes para você conciliar a maternidade e seu trabalho (aqui).

Vale a pena você avaliar algumas coisas bem importantes:

  1. Analise sua capacidade de autonomia e de decisão: Digo isso porque a partir de agora você será sua própria chefe, então é importante que você saiba que a tomada de decisão da sua empresa é sua.

Esteja ciente de sua responsabilidade e das consequências de suas decisões.

2. Neutralize suas fraquezas: a partir do momento que você iniciar seu próprio negócio, não haverá um ponto para bater ou um supervisor te pedindo relatórios … portanto você mesma terá que traçar as metas de seu negócio, se você quiser que ele cresça e se torne um sucesso é necessário que identifique aquelas suas fraquezas que podem prejudicar o desenvolvimento, como por exempo: preguiça, desorganização …

3. Defina quanto tempo você poderá dedicar para o seu novo negócio, isso é muito importante.

Preferencialmente separe os horários e dias que você trabalhará com esta nova atividade em uma tabela semanal bem organizada e visível.

4. Ajuste este tempo a realidade de sua agenda, para que você possa exercer sua profissão e sua maternidade de forma integral e não enlouquecer.

5. Decida exatamente o que você quer fazer. Escreva todas as atividades que você terá e as ações para chegar ao seu objetivo.

6. Busque apoio de sua família. Não adianta você ter muita vontade de empreender trabalhando em esquema Home Office, se toda a a família não estiver envolvida.

Você pode fazer com ou sem eles, mas nunca contra eles.

7. Aprenda o mínimo sobre informática, é importante que você domine mídias sociais, e-mails, tabelas para organizar estoque etc.

8. Tenha um local específico em sua casa para você trabalhar, pode até ser uma mesa pequena, mas é importante que seja um local fixo e agradável.

9. Consulte as normas legais, licenças, impostos e se possível começe suas atividades de forma regular, uma dica é você pensar em se tornar um MEI (Micro Empreendedor Individual).

10. Procure fazer um plano de negócios, muitos sites como o do Sebrae possui planos específicos para as mais diversar atividades de trabalho.

11. Pense em um planejamento de marketing.

12. Separe no início um valor de sua remuneração para reinvestimento no negócio.

13. Conheça seu publico, invista em saber como é a pessoa com a qual você quer trabalhar, quem são seus clients ideais.

Faça o melhor que você puder, dedique-se ao seu negócio tão seriamente quanto se dedicaria a qualquer emprego formal.

Sucesso, etc e tal.